Como é viver em Viena – Áustria

Olá pessoal,

Hoje vou compartilhar com vocês uma entrevista exclusiva com a doutora Elisangela Valente, médica pediatra, mestre em ciências e logo com doutorado em imunologia em Viena.  Aqui ela nos contará sua experiência de vida em Viena/Áustria. Seu texto é muito valioso, algumas informações que só quem vive pode narrar! Uma entrevista imperdível que vc  irá amar.

 

viena editado

 

Olá Elisangela, muito obrigada por participar da entrevista e por compartilhar suas experiências com todos nossos leitores. Começaremos perguntando há quanto tempo  vc está morando em Viena?

Oi Mila, obrigada pela oportunidade de falar um pouquinho sobre essa cidade linda!. Estou morando aqui desde outubro de 2010, ou seja há quase 4 anos e meio.

 

Quais os melhores bairros para viver em Viena?

Na minha opinião todos os bairros de Viena tem suas qualidades, cada um com suas peculiaridades. Os bairros mais centrais vão do primeiro ao 9o distrito. Os bairros 13, 14 e do 17 ao 19 são um pouco mais nobres, principalmente na área um pouco mais afastada do centro, pois tem muitas casas e muito verde. O segundo distrito é bem grande e conheço vários brasileiros que moram lá. Nele se localizam o escritório da ONU e o parque do Prater que é super antigo e muito bonito (http://en.wikipedia.org/wiki/Prater). Os distritos 2, 20, 21 e 22 tem como um dos seus limites o rio Danúbio, que corta a cidade de norte a sudeste. Eu moro atualmente no 5o distrito e particularmente gosto muito. É bem pertinho de uma estacao de metro e do centro.

 

parque viena vista roda gigante

Quais  supermercados você mais frequenta?

Geralmente se tem várias opções próximas porque aqui os supermercados são normalmente pequenos e estão presentes em quase todas as esquinas. Perto do meu apartamento tem Billa, Spar, Hofer e Zielpunkt. Os dois últimos são os mais baratos e, apesar de também oferecerem produtos de qualidade, não tem muita variedade, especialmente de frutas, legumes e verduras. Em geral, frequento mais o Billa e o Hofer.

 

Qual o horário de atendimento dos supermercados, lojas e shopping?

Quando me mudei pra Viena, praticamente tudo abria às 9h fechava às 18h de segunda à sábado e nada abria aos domingos. Era super difícil fazer compras no sábado, porque tudo estava lotado, afinal era o único dia que pessoas que trabalham podiam fazer compras. Hoje em dia, os supermercados já tem um horário mais amplo por exemplo, das 7h as 19h. Algumas lojas do centro também ficam abertas durante a semana até as 21h, principalmente às sextas. Aos sábado, o horário continua das 9h às 18h para as lojas e no domingo continua como antes: tudo fechado. Raros supermercados abrem aos domingos e nesses tem até fila pra entrar!

 

Fica caro fazer compra no supermercado?

Se compararmos com os valores do Brasil, as compras aqui saem mais caras sim. Acho que de 2 a 3 vezes mais caro. Em compensação os salários aqui também são mais elevados. Em casa, nós somos econômicos e não compramos muitos supérfluos então gastamos cerca de 200-250 euros por mês. Aqui no entanto, as compras são geralmente semanais ou mais frequentes. Não há muito o costume como no Brasil de se fazer compras do mês.

chapeu mexicano viena editado

Em qual supermercado podemos encontrar comida brasileira para comprar?

Eu conheço o Prosi, um supermercado de comidas exóticas. Lá  encontra temperos, biscoitos, farinhas e frutas brasileiras. Guaraná Antáctica e leite condensado são vendidos em supermercados normais. Tapioca e leite de coco podem ser encontrados em mercados asiáticos.

 

Você pode indicar alguma feira que é imperdível em Viena?

O Naschmarkt é um mercado aberto bem popular em Viena. As bancas de frutas, flores e peixes são lindas de se ver! Muitos turistas o visitam principalmente aos sábados que é quando acontece também o famoso Flohmarkt ou mercado de pulgas, com todos os tipos de coisas velhas, digo antigas, que se pode imaginar. Lá  pode comprar desde peças para a torneira do seu banheiro, louças de porcelana usadas e até casacos de pele.   (http://en.wikipedia.org/wiki/Naschmarkt)

 

Qual o meio de transporte que você mais usa?

Eu praticamente só uso metrô, ônibus e trem. O transporte público aqui é ótimo! É limpo, rápido e barato. Se  tem um cartão anual,  paga cerca de 300 euros por ano. Por enquanto, não tenho carro aqui e só vou comprar se for morar na periferia. Ter um carro aqui é caro (acho que  desembolsa cerca de 1000 euros por ano ou mais) e estacionar nas ruas, principalmente do centro, é muito difícil.

 

jardim viena editado

 

É fácil alugar um carro?

Em Viena é fácil alugar carro e não é tão caro. Acho que se  alugar um carro médio de sexta a domingo, deve pagar uns 100 euros no total e o carro vem completo (vidro, ar, direção, etc). Por outro lado, em Viena existe também a possibilidade de se registrar em empresas que tem carros espalhados pela cidade. Com isso, você pode reservar um carro que esteja próximo a você, pagar por minuto de uso (cerca de 30 centavos de euro/minuto), e depois deixar o carro estacionado em qualquer local permitido (mesmo que seja zona azul). No inverno, usamos muito essa opção quando temos que andar um pouco mais pra chegar em algum lugar.

 

Existem restaurantes brasileiros em Viena?

Eu só conheço o restaurante chamado Churrascaria (churrascaria.at) onde você encontra rodízio aos moldes brasileiros, feijoada e caipirinha. Não há opção de self service ou à la carte, somente rodizio à €29,90 por pessoa, sem bebidas.

 

Qual comida Austríaca você mais gosta de comer?

Eu adoro Kärntner Nudel. que é uma massa em formato de pastel com recheio de ervas e um queijo que se chama Topfen kochecke.at/kochrezept-kasnudeln.html  Uma delícia!

Eu também gosto da comida típica daqui que se chama Schnitzel (gutekueche.at/rezepte/170/wiener-schnitzel.html). Nada mais é do que o nosso bife a milanesa. A diferença é que aqui ele tradicionalmente feito com carne de porco em bife bem fininho e frito na manteiga ao invés de óleo.

 

Dizem que a população de Viena é bilíngue, todos falam alemão e inglês, isso é verdade? Na pratica você consegue viver em Viena só falando inglês?

Isso não é bem verdade, tem muitas pessoas aqui que não falam inglês e outras que dizem que falam mas quando você tenta conversar, você percebem que não falam nada…. rs. Apesar disso, a gente consegue sim se virar só no inglês. Eu por exemplo estou aqui há mais de 4 anos e só agora comecei a estudar alemão de verdade…. e estou viva… rs

 

roda gigante viena 2 editado

 

É fácil conseguir arrumar emprego? Você pode indicar algum site ou lugar onde podemos procurar um trabalho em Viena?

Depende da área. Sempre nos dizem que na área de informática é muito fácil de se conseguir um trabalho, mas meu marido que trabalha com isso, demorou quase 10 meses pra conseguir um emprego. Falar alemão é muito importante nessa hora. Tem 2 sites em que se pode procurar empregos: jobwohnen.at e karriere.at, mas o melhor mesmo é entrar nos sites das empresas da sua área.

 

Os brasileiros são bem recebidos em Viena? Como é o tratamento ao estrangeiro?

Acho que isso também depende das circunstâncias. Eu fui muito bem recebida no local do doutorado pois lá trabalham pessoas de várias nacionalidades. Entretanto, em repartições públicas por exemplo, você pode dar sorte de alguém simpático te atender, do contrário, você não é tratado bem se não falar o idioma deles. Por outro lado, quando descobrem que você é brasileira(o), todos abrem um sorriso enorme e perguntam o que você está fazendo aqui! hahaha

 

Como é o clima em Viena?  

Para uma brasileira, o inverno aqui é depressivo, com pouco Sol e muito frio. Mas na verdade não é tão frio assim. As temperaturas no inverno raramente chegam a menos que 5 graus negativos e chegam a uma media de 10-15 graus. O chato é que de meados de novembro a meados de janeiro, além dias nublados típicos do inverno, os dias são curtos com o Sol nascendo tarde e se pondo cedo.

Nos meses de verão, principalmente julho e agosto, as temperaturas podem chegar a quase 40 graus, mas por poucos dias. Geralmente ficam em torno de 20 e 30 graus e o Sol aparece bem mais que no inverno.

 

Qual estação do ano você mais gosta em Viena?

Amo a primavera que é quando o Sol volta a brilhar, as árvores ficam verdinhas e a cidade fica inteirinha florida! O outono também é lindo demais com sua cores! Aqui vai algumas fotos das estações do ano para vcs verem como o clima é bem definido aqui:

Só para vcs: VIENA ATRAVÉS DE UMA JANELA!!!!

foto janela li outono editado

 

foto janela li inverno editada

 

foto janela li primavera editada

 

foto janela li verao editada

 

 

A roupa de frio brasileira suporta o frio de Viena? É caro comprar roupa em Viena? Você pode dar dica de alguma loja em Viena?

Não, para o inverno é preciso comprar pelo menos um casaco quente e calçados para neve. Não adianta colocar várias camadas de blusas de algodão ou moleton, os casacos precisam ser impermeáveis pra não molhar quando neva e também pra barrar os ventos gelados. Mas pra dizer a verdade, mesmo com um monte de roupas de inverno, gorro, luvas, cachecol, etc, eu sempre congelo quando saio na rua com temperaturas abaixo de zero!

Quanto aos valores, você vai encontrar de tudo, dependendo de onde você for e do quê está procurando. Existem lojas como Jack Wolfskin, que são mais caras e os casacos custam algumas centenas de euros. Esses geralmente são bem quentes e duram muitos anos. O meu casaco de inverno tem 3 anos e custou 80 euros na Zara. Apesar de ter precisado trocar o zíper dele esse ano (30 euros!!), estou muito satisfeita com ele. Quando está frio demais porém, preciso colocar uma blusa mais grossa por baixo.

 

Você pode listar 3 lugares imperdíveis para passear em Viena?

Acho que quem vem pra Viena não pode deixar de visitar o Ring (conjunto de ruas que circula o centro), o palácio do Schönbrunn e o Donauinsel (ilha no meio do Danúbio).

palacio viena vista media editado

 

É verdade que o sistema de saúde é gratuito? Você tem que pagar alguma coisa para ser atendido em algum hospital? Você pode ir a qualquer hospital, ou existe alguma restrição?

Não, o sistema de saúde aqui não é gratuito. O “SUS” daqui é pago e custa cerca de 50 euros por mês. Se você estiver empregado, a sua empresa é que paga, do contrário você mesmo tem que arcar com essa despesa. Eu já precisei fazer um procedimento de retirada de cálculo do ureter e tive meu parto normal em hospitais públicos e não tenho do que reclamar. Não tive quarto só pra mim com TV mas achei melhor que o SUS no Brasil.

Também existe a possibilidade de se fazer convênios particulares. Se você tiver uma emergência e chegar em algum hospital aqui sem ter seguro saúde, você vai ser atendido normalmente, mas depois vai receber a conta na sua casa. Os hospitais públicos em geral aceitam também os convênios particulares, mas existem hospitais privados que só aceitam determinados seguros.

 

Remédio em Viena é Caro?

Se você tiver plano de saúde (público ou particular) e apresentar receita médica na farmácia, parte do valor da medicação é subsidiado pelo seu plano, saindo bem mais barato.

 

Acho melhor nem perguntar sobre licença maternidade em Viena para não deixar nenhum brasileiro deprimido…… Não, acho melhor perguntar porque assim podemos exigir mais em nosso país… Quanto tempo de licença maternidade as mamães que trabalham tem em Viena? Se você não trabalha você também pode receber algum auxilio?

A licença maternidade na Áustria é algo sem igual em nenhuma outra parte do mundo! Existem várias opções de licença, mas a gestante pode escolher tirar até 30 meses, sendo que nessa opção o pai pode tirar mais 6 meses. Eu por exemplo tirei 15 meses e meu marido teria direito a mais 3 meses. Se a gestante trabalhou registrada por um período mínimo de 14 meses antes de ter o bebê, ela tem direito ao salário maternidade que tem um valor fixo e é dividido em até 30 vezes.  No meu caso, o valor dividido em 15 vezes era de cerca de 900 euros por mês. Além disso, existe um auxílio família de cerca de 150 euros por mês para a criança desde o nascimento até os 18 anos, e esse auxílio é independente de mãe ter trabalhado antes ou não.

 

Como é a adaptação de um brasileiro em Viena?

Acho que a adaptação do brasileiro em Viena não é muito difícil pois nossos costumes são uma mistura de várias culturas. Pra mim o mais difícil foi me adaptar com o tom mais seco e direto dos austríacos e alemães que falam o que tem que ser falado sem papas na língua e com o inverno é claro. O brasileiro geralmente é mais delicado.

Aqui também o brasileiro se acostuma a ser mais educado no transito, pois é obrigado a esperar todos os pedestres atravessarem pra poder passar com o carro.

 

Qual a sua opinião pessoal sobre a cidade de Viena?

Na minha opinião Viena é uma cidade linda, limpa e com ótima qualidade de vida! Seria perfeita pra se viver, se fosse um pouco mais próxima do Brasil… rs

 

Você pode compartilhar conosco alguma receita Austríaca fácil de fazer?

Eu não costumo cozinhar nada tipicamente austríaco em casa, exceto o Eier Spätzle que fiz uma vez, mas comprei a massa pronta e só acrescentei queijo e bacon. Mas tem uma sobremesa típica daqui que é uma delícia e parece simples de se fazer que se chama KAISERSCHMARRN.

A receita está abaixo e foi adaptada do site gutekueche.at/rezepte/847/wiener-kaiserschmarrn.html

Ingredientes (para 3 porções)

40g de manteiga, 4 ovos, 200g de trigo, 300mL de leite, 30g de uvas passas ou amêndoas, 1 pitada de sal, açúcar de confeiteiro para polvilhar

Modo de preparo

Em uma tigela, misturar o trigo, o açúcar, o sal, as gemas e o leite até obter uma massa homogênea. Em outra tigela, bata as claras em neve dura e, em seguida, misture com a massa anterior. Unte uma frigideira com manteiga, despeje a massa lentamente, e asse ambos os lados até a massa ficar levemente dourada. Em seguida, cortar a massa em pedaços irregulares com 2 garfos, adicionar as passas ou amêndoas e mexer bem (também podem ser acrescentadas antes de assar). Polvilhe com o açúcar de confeiteiro e sirva ainda quente com compota de frutas (ameixa ou maçã por exemplo).

cemiterio viena editada

Muito obrigado Elisangela pela entrevista!!! Você é uma amor de pessoa, coração e bondade!!!

Espero que vcs tenham gostado das informações utilíssimas que a Elisangela preparou especialmente para cada amigo leitor, para celebrarmos essa nova etapa do blog, com novo visual, nome e marca.

De coração espero que seja extremamente útil para vcs!!!

Aproveito para deixar uma super dica de um festival internacional de documentários  que ocorre em Viena ” ETHNOCINECA”. Esse ano o festival começa dia 4/05- 10/05 com um total de 54 documentários. Esse ano o filme brasileiro “pássaros distraídos” vai passar na terça-feira 09/05, as 18:00 en Votivkino.

Para mais informação clique aqui

 

Se vc gostou do post vc pode agradecer fazendo coisas bem simples:

1) curtir minha página no facebook

2) compartilhar esse post em pinterest ou facebook

 

Muito obrigada por visitar o blog!

saludos

Emiliana

 

4 thoughts on “Como é viver em Viena – Áustria

  1. Oi, Emiliana!

    Li seu artigo com a brasileira q mora em Viena e gostei muito. Obrigada pelas preciosas dicas. Entao, li a parte de licença maternidade, mas a entrevistada não respondeu se a mulher recebe alguma ajuda do governo se não chegar a trabalhar os 14 meses antes de dar a luz. Voce sabe informar sobre isso? Obrigada!

    1. Ola Karlla, creio que para ter direito a licença maternidade e necessário que a mulher tenha trabalhado com registro por no mínimo 14 meses, caso contrario nao. Esse foi o que entendi. Obrigada por visitar o blog!saludos, Emiliana

  2. Ola Emiliana,

    Estou indo para a Austria com meu marido, estou gravida de 5 meses e ja tenho uma pequena com 2 anos. Poderia me dizer como funciona creches ai? E publica, particular, uma media de custo? E quanto ao parto? Por ja estar com 5 meses os hospitais podem se recusar a atender ou corro o risco de nao conseguir um medico?

    Muito obrigada

    1. Ola Erika, eu vivo em Santiago/Chile. Minha cunhada e quem vive em Viena. Vou passar as perguntas pra ela e quando ela me responder te repasso. Mas tenho entendido que quando vc chegar se vc nao estiver trabalhando vc devera pagar um convenio medico que me parece que e 50 euros por mes. Nao sei te falar se isso vai cobrir seu parto, porque geralmente existe uma carencia de um ano. Vc tem que averiguar. De todas maneiras melhor esperar a resposta da minha cunhada. Saludos, emiliana

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Prove you aren't a robot *